Sala de leitura: Pesquisar no site:
 
COMO TRABALHAMOS
 

O conceito de qualidade de vida refere-se a um movimento dentro das ciências humanas e psicológicas
no sentido de valorizar parâmetros mais amplos para aumentar a espectativa de vida com qualidade, perceber e administrar os sentimentos e diminuir a morbidade ( relação entre o número de pessoas sãs e  doentes ou de doenças em um determinado tempo ) e a mortalidade.
(Dr. Adjar Mendes)

* * * * * * * * * *

Segundo a O.M.S (Organização Mundial de Saúde) " as pessoas devem se sentir bem psicologicamente, terem boas condições físicas, serem socialmente integradas e funcionalmente competentes ".
A OMS elaborou um questionário internacional, transcultural, (independente de nação, cultura ou época )para implementação dos critérios acima.
Percebe-se que a medicina quando atua somente tradicionalmente, cartesianamente, organicistamente não consegue abranger os critérios da OMS.
Para colaborar no alcance destes parâmetros precisamos mudar alguns paradígmas. Por exemplo: As ações preventivas só serão implementadas pela ação do próprio médico.Minha conduta dentro do meu consultório ( minha Medicina ) só será prenventiva se fizer parte da minha cultura como pessoa. Muito da medicina depende da pessoa  do médico. Não é suficiente o protocolo, o mando, o programa preventivo.Não se trata exames e sim o cliente.
Cada doença tem uma história. QUAL É A HISTÓRIA DA SUA DOENÇA ?
Receba em seu e-mail notícias sobre os novos caminhos da saúde.